img-feed img-feed-email

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Leia... e pense o que quiser II... - Esclarecimentos

O meu último post 'Leia... e pense o que quiser...', gerou uma certa polêmica. A maioria das pessoas concordou com o meu ponto de vista. Todavia, algumas me viram como elitista, egoísta e hipócrita... como alguém que pensa em seus próprios interesses.
Isso é ótimo!
Ótimo porque entendo que política é o tipo da coisa em que ninguém convence ninguém... mas que independente disso todo mundo tem o direito de se expressar e de dizer o que pensa independente das consequencias e das reações das outras pessoas. Simplesmente porque opinião política é fundamental!
.
Quero esclarecer que trabalho atualmente em um setor cujo princípio básico é a assistência social, o CRAS, e que somos co-responsáveis na transmissão de renda para a população carente através de benefícios como Bolsa família, benefícios eventuais, beneficios de prestação continuada, dentre outros, em nosso município. Todavia o objetivo principal deste é oferecer à população mais carente formas de desenvolver o seu potencial, facilitando a eles o acesso a cursos de capacitação, ingresso no mercado de trabalho e acompanhamento psicossocial afim de amenizar na popualção de baixa renda a carga de exclusão, preconceito e situação de risco a qual a classe está submetida.
Entretanto, insisto em repetir o meu ponto de vista acrescentando a perspectiva do blog Recanto das letras. Segundo ele o investimento anual do governo nos programas como Bolsa família e Fome Zero é de cerca de 9 bilhões de reais e atendem cerca de 54 milhões de pessoais. Essa transferência de renda parece muito importante para que a população mais carente tenha suas necessidades básicas supridas. Todavia, há um grande equivoco se pensarmos que transferência de renda é o mesmo que desenvolvimento social. 
Desenvolvimento social é dar oportunidade ao indivíduo de criar sua própria história tornando-se independente dos 'projetos sociais' do governo cujo objetivo principal é angariar votos. Desenvolvimento social é tornar o indivíduo capaz de ganhar dinheiro com suas próprias mãos, fortalecendo o mercado, a economia, qualificando a mão-de-obra, oferecendo emprego... Seguindo aquela velha máxima: é mais importante dar o peixe ou ensinar a pescar?
.
Pensando nisso, é necessário entendermos que o Brasil precisa se desligar do antigo modelo imperialista de governar que perdura até hoje em nosso país, cuja a política do pão e circo oferece comida e lazer à população brasileira sem, no entanto, oferecer de fato a independência e a dignidade que o cidadão merece!

4 comentários:

Ninaaa . disse...

Eu não quis ofender em momento algum, flor. Aliás, é como você disse: porque opinião política é fundamental. Né? Rs. Mas enfim, eu entendo seu ponto de vista. A maioria das pessoas se escora nisso sim. Mas eu acho que cortar esses benefícios do mesmo jeito ainda não é um bom caminho. Tem muita gente que precisa e faz por merecer, entende? Mas quem sou eu pra dizer. Beijos, Tahiana. Adoooro seu blog (;

Srtª Vihh disse...

Imagina-se flor, que este é um assunto um tanto polemico.
e que eu concordo que esses programas do governo, tornam-se sim a unica "vaquinha" de muitas familias. entretanto é complicado dizer...

(●• LIA •●) disse...

É ...política pontos de vista opostos!

Mas concordo que o assistêncialismo tenha que acabar. Não discordo com nenhuma palavra sua.

Trabalhei em um Centro Educacional da Prefeitura da minha cidade, onde o assistêncialismo vamos dizer"rolava solto!" Prefiroo ensinar a pescar do que dar o peixe.


Devido ao assistencialismo que vários professores foram taxados de insensíveis pois em vez não concordavamos com o tal "ensino de desenvolvimento" o qual tinhamos que ter penas das crianças e suas mães que tinha 1 filho em cada classe do Centro Educacional fora o que já estara para nascer. E digo: Ouvir direto... é pq fulaninha vai perder o benefício então.... resolvir engravidar!

Sério! Não é piada ou história para concordar com tudo que vc disse!

E aii pão e circo para o povo?! Siim! É justamente o que eles querem. Programas e mais programas para isso para aquilo, e qualidade de ensino?! Onde estão os leitores que possam ler e interpetrar um texto?! Pra que os governantes querem que aprendam ler?! É mais fácil gera escolas tecnicas onde a "mão de obra" para o pré sal esta desenvolvendo o país! Pois a leitura pode fazer alguém descobri algo além de sua mão de outro e o dar e receber!

Abraços!

Vera (Deficiente Ciente) disse...

Olá Tahiana!
A cada eleição fica mais difícil saber em quem votar. E as opções vão diminuindo cada vez mais.
Seu trabalho no setor de assistência social deve ser muito bacana, pois oferece à população mais carente formas de desenvolver o seu potencial... Em outras palavras vocês ensinam a pescar e não dão o peixe. Isso é o correto!

Gostei muito do post!

Beijos, querida!

Como você está em relação às eleições?

Visitantes do Idiotizando


Contador Grátis Desde 18/01/2010

Top comentaristas!

widget UsuárioCompulsivo Quanto mais você comentar aqui no Idiotizando mais chances você terá de ter o seu blog divulgado nessa lista! Comente já!

SEGUIDORES

Minha lista de blogs

IDIOTICAMENTE FALANDO:

Frase da semana: "Simplesmente sei que tudo o que sinto é muito mais meu do que todo o saber que me cerca!"> (Tahiana Andrade)
 
▲ TOPO ▲