img-feed img-feed-email

terça-feira, 18 de maio de 2010

Qual aimportância do dia 18 de maio?

18 de maio... parece um dia comum, mas não o é.
Essa data possui três importantes significados nacionais (embora para mim sejam quatro). E, julgo necessário expor aqui a importância desta data, visto que, ao conhece-la, poderemos lutar por questões importantes agregadas a ela:
1) Dia nacional da Luta antimanicomial - no meu terceiro ano de faculdade fiz um trabalho sobre isso. A Luta antimanicomial é 'comemorada' no Brasil desde 1987 (ano de meu nascimento!) quando foi realizada no país o Encontro dos trabalhadores da saúde mental em Baurú, SP. Essa luta busca reduzir os leitos psiquiátricos nos hospitais nacionais, visto que, eles eram usados como justificativa para uma maior arrecadação de verbas pelos diretores de hospitais. O maior problema, no entanto, estava relacionado à internação sem avaliação prévia, que misturava pessoas com doenças mentais e usuários de drogas. Nessa época, os internos em hospitais psiquiátricos era humilhados e mal-tratados, sendo submetidos a electrochoque, péssimas instalações e más condições de higiene além do uso desmedido de medicações, na maioria das vezes ansiolíticos com o intuito de acalmar os 'doentes'.' Para os interessados no assunto, indico o livro O Alienista, de Machado de Assis, que relata com maestria os segredos da 'casa verde', e o filme Bicho de Sete Cabeças, estrelado por Rodrigo Santoro.
2) Dia nacional de luta contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes - apesar de, durante minha vida acadêmica, também ter realizado um trabalho sobre o assunto, só hoje eu descobri a relação do tema com a data, através do jornal Bahia Meio-dia. Essa 'comemoração' foi criada no ano de 1998, devido a entidades que se reuniram na Bahia a fim de uma busca pelo fim da exploração sexual infantil. A data também coincide com um crime sexual bárbaro ocorrido na mesma data no ano de 1973,com Aracelli Sanches, sequestrada, abusada e assassinada! Para os maiores interessados no assunto sugiro que visitem o site do Comitê Nacionalde enfrentamento da Violência Sexual contra crianças e adolescentes e que também se dediquem a conhecer o trabalho da Deputada Alice Portugal, que centra-se nesta questão.
3) Dia do museu - Os museus representam a forma de conhecermos e explorarmos o nosso passado e o nosso presente. É a materialização da nossa cultura através da preservação de nosso patrimônio público. Muitos desconhecem e ignoram a importância de um museu, todavia, ele representa a valorização da identidade de um povo. Nas palavras de Cazuza: "Eu vejo o futuro repetir o passado / Eu vejo um museu de / grandes novidades!". Para conhecer mais sobre o assunto conheça a lista de sites de museus e visite-os.

Aos curiosos, respondo porque para mim a data possui um quarto significado importante: o aniversário de minha mãe... mulher virtuosa cujo o seu valor muito excede ao de finas jóias.

9 comentários:

Luis Morais disse...

Parabésn pelo blog linda... gostei do texto, beijos visite o meu

http://www.luigimorais.blogspot.com

Juliana. disse...

Um dia especial..um dia importante

sim!

Parabéns a sua mamãe, viu!
Juliana

Luciana Kotaka disse...

Olá amiga,sempre com matéria interessantes que nos coloca a refletir e nos chama a realidade.Bem lembrado e parabéns a sua mãe. Bjks

Renata de Aragão Lopes disse...

Parabéns a ela! : )

Eu e meu filho
nascemos em uma mesma data:
no dia do amor
(Valentine's day)!

Beijo,
doce de lira

Erica Vittorazzi disse...

Bom, eu sou à favor de institutos para doentes psiquiátricos de qualidade. Com esta luta antimanicomial, eles ficaram nas ruas e sem cuidados.

Acho que deveríamos repensar as nossas lutas!


Beijos

Juliana Oliveira disse...

Seu blog tbm é cultura. Não sabia de nada disso. Mas também, vc é uma super estudiosa!! rsrs
Muito interessante saber, contar com pessoas incríveis como vc nessas causas, nos estimulam. Saudades, Bjão

Tahiana Andrade disse...

ÉRICA, também sou a favor dos institutos para doentes. A luta antimanicomial baseia-se na reforma psiquiátrica e, sua busca principal é reduzir a internação hospitalar dos portadores de doença mental. Os manicômios, funcionavam muitas vezes como funcionam os presídios atualmente, pois servem como meios para excluir os doentes mentais da sociedade. A luta antimanicomial oferece aos doentes o tratamento psiquiátrico, médico, psicológico e farmaceutico específico para cada caso e, muitas vezes gratuitamente, como os CAPS, Centro de Atenção Psicossocial, já ouviu falar? Através de programas como estes, os doentes mentais recebem todo o subsídio necessário para o tratamento da sua doença, toda via ele não fica segregado socialmente, pelo contrário, há um trabalho que concomitante ao tratamento psicológico busca reinserir o indivíduo com doença mental à sociedade através do acesso ao lazer,estudo, trabalho e convívio familiar e social. Manter os manicômios com a justificativa de tirar os doentes da rua, é um discurso antigo baseado em egoísmo político e social que apenas exclui os doentes da socidade sem oferecer a eles o acompanhamento necessário.
A luta antimanicomial não acabará com as instituições que cuida desses doentes, apenas evitará com que eles sejam tratados de forma desumana,sem diagnóstico, tratamento e prognósticos específicos.
Não queremos doentes espalhados nas ruas, entretanto, jogá-los em hospitais longe da família e do convívio social é apenas um meio de exclui-los, de aumentar o preconceito e de nos 'protegermos' contra eles, sem, contudo funcionar como meio de cura, reabilitação e reinserção social.

Mas, a sua opinião é muito válida e estou apenas esclarecendo alguns pontos, para que a luta antimanicomial não seja interpretada de forma equivocada devido ao fato de eu ter guardado algumas informações, rs.

Beijos

Erica Vittorazzi disse...

Sim Tahiana, concordo com você. Mas acredito que os nossos políticos adoraram esta idéia e pararam de ajudar os hospitais psiquiatricos. Aqui na minha cidade tem CAPS, sim e é de dar dó o hospital psiquiatrico, sem médicos, remédios, enfim.
Claro que sou contra o depósito de pessoas com transtorno, mas compreendo as familias por causa de falta de recursos não têm onde deixar os seus familiares. Ah, são muitas coisas... sou à favor também de um presídio psquiátrico, mas aí seria pedir muito para o país... mas eu quero!!


Beijos, querida!
É importante termos espaços para falar disto

Tahiana Andrade disse...

Gostei da idéia de presídios psiquiátricos... confesso que eu nunca tinha pensado nisso, ou sequer ouvido falar. O problema é que no Brasil nãohá espaço para novos projetos... coisas simples precisam de lutas enormes edatas especiais para ganhar algum espaço político e social.

O importante é que podemos pelo menos pensar no assunto...
Foi muito bom pra mim conhecer uma opinião diferente da que conheci na minha vida acadêmica!

Beijos Érica

Como você está em relação às eleições?

Visitantes do Idiotizando


Contador Grátis Desde 18/01/2010

Top comentaristas!

widget UsuárioCompulsivo Quanto mais você comentar aqui no Idiotizando mais chances você terá de ter o seu blog divulgado nessa lista! Comente já!

SEGUIDORES

Minha lista de blogs

IDIOTICAMENTE FALANDO:

Frase da semana: "Simplesmente sei que tudo o que sinto é muito mais meu do que todo o saber que me cerca!"> (Tahiana Andrade)
 
▲ TOPO ▲